Breaking News

TERROR EM GAZA

HAMAS OBRIGA FAMÍLIA A EXECUTAR PARENTE

O grupo terrorista estava investigando Ahmed Barhoum a quem acusava de colaborar com Israel. Os próprios pais podem ser os executores.


Execuções em Gaza são espetáculos de barbárie, como este linchamento em novembro de 2012.

O CIRCO DOS HORRORES DO HAMAS EM GAZA

Uma família palestina informou na tarde desta sexta-feira, 19, que matou um dos seus membros depois que os líderes do Hamas na Faixa de Gaza o acusaram de ter colaborado com informações que levaram as Forças de Defesa de Israel a eliminar três comandantes do grupo terrorista.

O porta-voz da família disse que Ahmed Barhoum foi morto com um tiro, sem entrar em detalhes a respeito de qual parente teria sido o responsável pela execução. O porta-voz informou apenas que a execução foi o culminar de uma investigação empreendida pelo Hamas e que a família estava convicta de que Ahmed era mesmo culpado.

A família informou ainda que o parente foi preso e interrogado pelo grupo terrorista, o que significa que sua detenção foi feita à margem do sistema legal palestino. Até o início da noite, o grupo terrorista não havia emitido nenhum comunicado oficial.

Os comandantes do Hamas foram mortos através de um ataque aéreo, sendo que a aviação israelense atingiu apenas a casa onde os líderes se encontravam. O Hamas passou a investigar potenciais suspeitos de terem informado Israel sobre a posição exata onde os líderes se encontravam.

Nestas “investigações”, o grupo terrorista utiliza os métodos mais selvagens, de modo que possam obter qualquer tipo de informação.

A morte dos três líderes aconteceu em 2014, perto do fim da guerra de 50 dias que o grupo empreendeu terrorista contra Israel.

Desde que tomou o poder de assalto em 2007, o Hamas já executou dezenas de palestinos na Faixa de Gaza sob o pretexto de que os mesmos teriam colaborado com Israel.

Mais do que uma mera punição, o objetivo é amedrontar a população, razão pela qual é comum que as tais execuções sejam seguidas de verdadeiros espetáculos de barbárie, inclusive com corpos sendo arrastados pelas ruas de Gaza.

Agora, parece que o Hamas decidiu acrescentar um novo componente ao seu circo dos horrores: o uso de familiares como carrascos.

ANDS | TIMES OF ISRAEL

1 resposta »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s