História

ALBERTO NISMAN

SUICIDARAM O PROCURADOR

Nesta segunda-feira, 19, o procurador argentino Alberto Nisman iria revelar ao congresso da Argentina detalhes intrigantes sobre a investigação ao atentado terrorista contra um centro judaico em Buenos Aires, em 1994. Na pauta estariam declarações de suspeitas de que a presidente Cristina Kirchner estaria dificultando as investigações a medida que estas apontavam o Irã como potencial responsável pelo atentado que causou 85 mortos, quase todos judeus.

Alberto Nisman
Alberto Nisnam iria pronunciar-se hoje

O magistrado argentino que acusou recentemente a presidente Cristina Kirchner de tudo fazer para impedir a investigação de um atentado terrorista contra o maior centro da comunidade judaica em Buenos Aires, em julho de 1994, foi encontrado morto na madrugada de hoje em sua residência.

Alberto Nisman, 51 anos, que há dez investigava o atentado à bomba na sede da Associação Mutual Israelita Argentina onde morreram 85 pessoas, ia esta segunda-feira ao Congresso revelar alguns detalhes sobre o caso.

As autoridades que investigam a morte do procurador recusaram apresentar qualquer tipo de explicação, limitando-se a confirmar que foi foi encontrada uma arma de calibre 22 e a cápsula de uma bala junto ao corpo, no banheiro do seu apartamento, num condomínio fechado de Buenos Aires.

Segundo Alberto Nisman, a presidente Cristina Kirchner teria contactado secretamente um grupo de iranianos suspeitos do atentado, com o objetivo de ilibá-los e, desta forma, criar condições para o estabelecimento de acordos comerciais para o fornecimento de petróleo do Irã em troca de cereais e carne argentina.

EXPRESSO

3 respostas »

  1. Verdadeiramente, sr. Edilson, estas pessoas continuam sem justiça, mas vamos aguardar um pouco, pois nada passa despercebido pelo nosso Poderoso e Eterno Deus de Israel, Bendito seja!! …Ele vai ajudá-los de alguma forma.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s